A valorização dos recursos pesqueiros passa pelo aumento de conhecimentos  da biologia  e  ecologia das espécies capturadas intencionalmente  ou acessoriamente. Estas últimas espécies, muitas vezes rejeitadas ao mar, são muito relevantes para a política comum de pescas comunitária e nacional, sendo o seu aproveitamento comercial desejado para uma exploração racional e sustentada dos oceanos. A  cavala é  uma  das  espécies  mais  rejeitadas  da frota algarvia, sendo que a generalização da sua utilização para consumo humano seria uma mais-valia significativa para a economia deste setor produtivo. 

Neste  contexto,  o  CCMAR  da  Universidade do Algarve propõe-se   realizar com o apoio do programa PROMAR e do GAC SOTAVENTO,   um   conjunto   de   estudos que determinem as características biológicas e perfil nutricional da cavala e paralelamente, promover uma série de eventos com vista à divulgação de receitas tradicionais e inovadoras cujo ingrediente principal seja a cavala. 

Estas ações irão promover e valorizar este tipo de recursos pesqueiros, incentivando  em simultâneo a sua pesca sustentável. 

  • Wix Facebook page

ORGANIZAÇÃO

FINANCIAMENTO